Sujeira que trazemos da rua nos sapatos!

Paranoica com sujeira?

Você já parou para pensar na quantidade de bactérias e sujeira que vem todos os dias da rua para a sua casa? Pois é, eu tenho uma amiga que sempre quando chega aqui em casa ela tira o sapato. Sempre falo que não precisa, mas não adianta a Cris sempre tira. E da última vez que vieram até o filhinho de 2 anos tirou também. Isso me fez refletir e ir atrás do assunto.

sapato sujo, chinelo personalizado

Você sabia que aderindo este simples ato, você pode reduzir em até 85% a quantidade de poeira e sujeira que invadem sua casa todos os dias.

coli, chinelo personalizado

Uma simples caminhada na rua faz com que 96% dos calçados adquiram contato com germes e bactérias, como a E. coli, que podem facilmente sobreviver durante o trajeto até a sua casa, e lá causarem doenças e infecções.

Uma simples ida a um banheiro público já pode fazer com que esses indesejáveis hóspedes peguem carona em nossos sapatos.

Sabedoria Japonesa

É o que o diga os nosso amigos sábios Japoneses, lá no Japão é comum tirar o sapato na entrada e tem até uma área especifica para isso, se chama Genkam, onde os sapatos são colocados.

Genkam, chinelo personalizado

Lá é justificado da seguinte forma, o lado higiênico e o lado espiritual, pois tirando os sapatos, é possível libertar das energias impuras que interferem na harmonia do lar.

De acordo com a Agência Nacional de Proteção Ambiental dos EUA (EPA), os japoneses estão absolutamente certos, pelo menos com relação à questão da higiene (https://www.epa.gov/sites/production/files/documents/reduc_pb.pdf).

Segundo Carla Taddei integrante da diretoria científica da Sociedade Brasileira de Microbiologia, a professora da USP afirma não haver motivo para paranoias. Entretanto, segundo ela, tirar os sapatos antes de entrar em casa pode, sim, ter impactos na saúde.

Chão x Sujeira

O chão, de fato, é um ambiente que tem uma colonização muito diversa, não só de bactérias, como de parasitas e seus ovos. E isso varia conforme o local. Numa área muito frequentada por animais, a situação é uma, e numa região próxima a um lixão, outra. Como invariavelmente circulamos por diversos ambientes, é importante não levar tudo isso para dentro de casa. Afinal, trata-se de um local onde ficamos mais à vontade, andamos descalços e sentamos ou levamos a mão ao chão — comenta ela.

Carla ilustra que dificilmente uma pessoa colocaria a mão na sola do sapato e levaria à boca em seguida. Mas quando se espalha esses microrganismos pela casa, a atenção diminui.

E há estudos que mostram que esses seres resistem por até 60 horas fora do organismo — frisa Carla Taddei.

O chefe da disciplina de Infectologia da Faculdade de Ciências Médicas da Unicamp, Plínio Trabasso, acrescenta que essas bactérias podem causar diarreias e outras infecções intestinais.

Carla, lembra que atitudes extremadas são desnecessárias. Mas separar os calçados utilizados no ambiente doméstico daqueles usados fora, como aliás é um costume milenar em muitas culturas orientais, é mais do que suficiente.  (Leia mais: https://oglobo.globo.com/sociedade/uso-de-sapatos-dentro-de-casa-debatido-por-especialistas-21043572#ixzz5CMTlM2SA
stest .)

Sabedoria oriental e Criatividade

Me informando um pouco sobre o assunto, resolvi criar um ambiente aqui em casa e seguir a sabedoria oriental. E a criatividade aflorou, personalizei 3 chinelinhos para os integrantes da casa e mais 3 para visitas e a entrada da casa ficou super fofa e estilosa e o mais legal que dar para fazer uma arte e brincar com as visitas.

chinelos personalizados, pantufa personalizada

 

Quem topar entrar na brincadeira, blza. Mas nada de espantar as visitas, não é mesmo. A ideia é fazer as visitas se sentirem em casa e não acharem que você é uma louca da limpeza. E ainda ficou um charme o Genkam aqui de casa, não é mesmo? O que acharam? Sejam bem vindas!

Genkam

Se isso de certo, será possível reduzir em até 85% a quantidade de poeira, e toxinas que invadem sua residência por “baixo”.

Além disso, para reduzir ainda mais os riscos, limpe seus calçados regularmente, de preferência com produtos sustentáveis (Nesta reportagem é ensinado de uma forma super legal: https://globoplay.globo.com/v/2664780/).

 

Bjs amigos e até a próxima.

Ana’s

 

Compartilhe com seus amigos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *